segunda-feira, 22 de dezembro de 2014

As melhores leituras de 2014

O final do ano se aproxima e é hora de relembrar as melhores leituras de 2014 (quem não gosta de uma lista, não é mesmo?) 2014 foi um ano de muitos livros bons. Valeu muito a pena participar do Projeto Leia Mulheres, pois assim foi possível descobrir grandes escritoras. O projeto continua em caráter permanente no blog e sugestões de autoras e livros serão muito bem-vindas, é só deixar um comentário ;) O Projeto José Lins do Rego acabou não caminhando como eu previa, porque tive que ler outras coisas mais urgentes, mas pretendo continuar com a leitura das obras de José Lins, só que agora sem prazo determinado para acabar.
Selecionei alguns livros que me marcaram em 2014, mas o ano ainda não acabou e ainda tem livro bom para ler por aqui, então pode ser que mais algum apareça na minha lista final.

Todos os dias – Jorge Reis Sá

Autor português que eu li pela primeira vez esse ano e amei. Tem resenha sobre esse livro lindo aqui.

Mr. Gwyn – Alessandro Baricco

Baricco dispensa apresentações: é um dos meus escritores preferidos. Finalmente saiu a tradução tão esperada de Mr. Gwyn, que eu devorei de uma sentada só. Quem ainda não conhece a escrita incrível desse italiano precisa conhecer. Tem resenha aqui.

Para onde vão os guarda-chuvas – Afonso Cruz

2014 foi finalmente o ano em que li Afonso Cruz e só tenho uma coisa a dizer: foi amor à primeira página (ou melhor, desde os títulos lindos!). Para onde vão os guarda-chuvas foi um dos melhores livros do ano (e um dos melhores presentes que eu ganhei esse ano também), com uma edição que é uma coisa linda de se ver. E também não posso deixar de mencionar o excelente Jesus Cristo bebia cerveja que ganhou uma edição brasileira em 2014. [Resenha de Para onde vão os guarda-chuvas e Jesus Cristo bebia cerveja]

O lugar sem limites – José Donoso

Gostei muito desse livro pequenino, mas que dá muito o que pensar. Vale a pena ler esse escritor chileno, um dos grandes nomes da literatura latino-americana. [Resenha de O lugar sem limites]

Um teto todo seu – Virginia Woolf

Não é um romance, mas esse ensaio da Virginia Woolf é uma leitura fundamental. Merecia mesmo uma edição linda como essa publicada pela Tordesilhas em 2014. [Resenha de Um teto todo seu]

O corpo em que nasci - Guadalupe Nettel

Um livro realmente diferente, uma leitura que me marcou em 2014 e uma escritora de quem pretendo ler muitas obras (espero que mais livros da Nettel sejam traduzidos em breve).

No silêncio de Deus - Patrícia Reis

Patrícia Reis é uma escritora portuguesa que eu adoro e esse ano reli o maravilhoso Morder-te o coração e gostei muito de ler mais um livro da Patrícia Reis. [Resenha de No silêncio de Deus].

Um homem: Klaus Klump - Gonçalo M. Tavares

Gonçalo é simplesmente genial. Este é o primeiro livro da tetralogia O Reino, e os outros três livros serão lidos muito em breve. [Resenha de Um homem: Klaus Klump]

Hibisco Roxo - Chimamanda Adichie

Livro incrível dessa escritora nigeriana que já entrou para a minha lista de favoritas. Hibisco Roxo é um daqueles livros que só conseguimos largar quando chegamos ao fim. Um livro sobre o qual ficamos pensando durante muito tempo. [Resenha de HibiscoRoxo]

A filha do coveiro - Joyce Carol Oates

Não se assuste com o tamanho dos livros dessa estadunidense, ela costuma escrever calhamaços, mas é uma escrita que impressiona. Tem uma obra extensa e eu estou ansiosa para ler mais coisas dessa autora. [Resenha de Afilha do coveiro]

O Xará - Jhumpa Lahiri

2014 foi também o ano de ler a Jhumpa Lahiri, uma escritora inglesa descendente de indianos. Gostei muito de O Xará, um romance sobre identidade e a experiência de viver entre duas culturas. Não posso deixar de mencionar o livro de contos Intérprete de Males, do qual também gostei bastante. Uma escritora que definitivamente chegou para ficar. [Resenha de O Xará]

Este é o meu corpo - Filipa Melo

Filho único dessa escritora portuguesa, mas um livro muito envolvente. [Resenha de Este é o meu corpo]

Lucy - Jamaica Kincaid

Uma escritora caribenha que ainda não foi traduzida no Brasil, mas que merece muito ser lida. [Resenha de Lucy]

Persépolis - Marjane Satrapi

Finalmente eu li uma HQ. A que eu mais gostei foi Persépolis, da iraniana Marjane Satrapi. Acho que para quem não tem o costume de ler quadrinhos com certeza é uma ótima opção para começar. (Mas eu ainda prefiro ler romances...). [Resenha de Persépolis]

E vocês, quais foram os melhores livros lidos em 2014? =)

7 comentários:

Aline disse...

Também li Lugar sem Limites e Um Teto Todo Seu esse ano e adorei!
Da Chimamanda, li Americanah, mas já estou curiosa com os outros dois. Também achei a escrita da Lahiri muito interessante.

Beijinhos!

Mikl Andrade disse...

Olá Pipa!

Também li Um Teto Todo Seu, que livro maravilho hem?! Virginia é diva :)

Também fiz uma lista, sinta-se convidada para visitar o meu blog!

P.S.: Você conhece o cantor Cícero? Se não, escuta a música dele Tempo de Pipa. Agora, sempre que escuto lembro de você *.*

Abraço e Feliz festas de final de ano!
M

Julyana B. disse...

A pessoa pode se sentir orgulhosa de ter emprestado um e indicado outros dois dos melhores do ano?

Beijos,
July.

Pipa disse...

Obrigada, Mikl, vou olhar sua lista já :)
E vou procurar essa música, não conheço.


Pipa disse...

July,

Claro que pode! :) Suas sugestões foram ótimas! E ainda ganhei um livro da Finlândia de presente :)

beijo!
Paulinha

Maira Neves disse...

Pipa, estou com vontade de ler "o lugar sem limites"...são sempre muitos elogios! Chimamanda também foi um amor nesse 2014, mas dela li "americanah"....lindo.
beijo grande
Saudade
E feliz natal!

Maura C. Parvatis disse...

Oi, Pipa.

As minhas melhores leituras de 2014 foram: A Vida do Livreiro A.J. Fikry, Eleanor e Park, Avisterram, de Maria Luiza Brito, O Livreiro do Alemão, de Otávio Júnior, a HQ Orquídea Negra e também A trégua :)

Ano que vem quero ler Jhumpa Lahiri, Chimamanda e outr@s escritor@s que esse ano volta e meia surgiam pelo meu caminho, mas deixava pra depois.


Beijos!